14 de janeiro de 2018

As Cientistas - 50 Mulheres que Mudaram o Mundo


Esse foi o primeiro livro novo que chegou lá em casa em 2018, presente de Dia de Reis enviado pela Tatá, lá do Randomicidades. Era um título que estava na minha lista já fazia um tempo, na esteira de volumes como Histórias de Ninar para Garotas Rebeldes (que, por sinal, deve ter um segundo volume publicado em inglês ainda nesse primeiro semestre), Wonder Woman - 25 Mulheres Inovadoras, Inventoras e Pioneiras que Fizeram a Diferença e Rejected Princesses - Tales of History’s Boldest Heroines, Hellions and Heretics. Todos eles são livros de referência, com pequenas biografias apresentando mulheres que se destacaram em seus campos de atuação, mudaram a História e enfrentaram preconceito e o machismo.

São histórias que abrem nosso apetite para descobrir mais sobre essas heroínas da vida real, para inspirar meninas de todas as idades a descobrir seu potencial, contra estereótipos de gênero que afirmam que o espaço que elas tentam ocupar não pertence a elas. De forma específica, As Cientistas nos apresenta a cinquenta mulheres que, desde a antiguidade, penetraram no campo da ciência, tecnologia, engenharia e matemática, enfrentando mil e um empecilhos (em alguns casos, até a morte) para fazerem aquilo que tinham escolhido e amavam fazer. Além disso, há também vários infográficos interessantes, com dados sobre número de mulheres estudando e trabalhando na área científica; materiais de laboratório, linhas do tempo, fechando com um glossário ilustrado.


Eu conhecia alguns dos nomes citados no livro - Hipátia, Ada Lovelace, Marie Curie, Hedy Lamarr - mas a maioria me era desconhecida e foi muito bacana descobrir tantas mulheres fortes, independentes, que passaram por cima de todos os obstáculos para trabalhar naquilo que acreditavam.

Os textos são curtos e didáticos, recheados de curiosidades - tanto históricas quanto científicas -, acompanhados de fantásticas ilustrações que dão ainda mais sabor à leitura. Aliás, o projeto gráfico do livro como um todo é de “comer com os olhos”, bonito, funcional e divertido. O elemento lúdico das ilustrações e o tom informal fazem de As Cientistas uma boa pedida para dar de presente para pessoas de todas as idades, e sem restrição de sexo. Por mais que seja um volume que serve para mostrarmos às meninas “vocês são capazes, não importa o que os outros digam”, se realmente queremos mudanças, então é necessário educar os garotos também.

Eu devorei o livro inteiro em dois dias (porque estava lendo ele concomitante com outros volumes). É uma leitura rápida, leve e se presta a ser revisitado sempre, sendo possível começar de qualquer página, descobrindo de cada vez um novo nome, um novo ícone em que se espelhar, em quem se inspirar. Um livro que deveria ser obrigatório nas escolas, nas bibliotecas; um livro para dar de presente, para desmontar preconceitos e educar velhas e novas gerações.

Outras Recomendações de Leitura: Vale à pena dar uma olhada no site da autora, especialmente na página de referências utilizadas para fazer esse livro. Também recomendo muito visitar o site Rejected Princesses, que traz histórias de personagens de várias mitologias e do folclore ao redor do mundo, cujas histórias dificilmente irão se transformar em filmes da Disney - mas que demonstram muito bem o poder feminino. Há uma parte do site também para biografias de mulheres reais que fizeram a diferença. E aqui no Coruja eu já resenhei o excelente Not One Damsel in Distress, que segue a mesma linha do Rejected Princesses.

Nota:
(de 1 a 5, sendo: 1 – Não Gostei; 2 – Mais ou Menos; 3 – Gostei; 4 – Gostei muito; 5 – Excelente)

Ficha Bibliográfica

Título: As Cientistas - 50 Mulheres que Mudaram o Mundo
Autor: Rachel Ignotofsky
Tradução: Sonia Augusto
Ilustrações: Rachel Ignotofsky
Editora: Blucher
Ano: 2017

Onde Comprar

Amazon || Cultura || Saraiva


A Coruja


____________________________________

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sobre

Livros, viagens, filosofia de botequim e causos da carochinha: o Coruja em Teto de Zinco Quente foi criado para ser um depósito de ideias, opiniões, debates e resmungos sobre a vida, o universo e tudo o mais.

Cadastre seu email e receba as atualizações do blog

facebook

Arquivo do blog