3 de setembro de 2010

Na sua estante: golpe baixo (ou a gaveta de contrabandos)





#026: Golpe baixo (ou a gaveta de contrabandos)
---------------------------------------


Podia parecer golpe baixo – Penélope bem tinha consciência de que não era exatamente uma de suas atribuições confiscar o que quer que fosse que os alunos trouxessem... mas, pelos céus, aquilo era uma biblioteca, não uma casa de jogos!

Assim é que nascera a gaveta de contrabandos, a única gaveta de sua mesa fechada à chave. Uma gaveta que estava sempre cheia, quase transbordante de objetos supostamente... ilegais.

Lá estavam os dados da turma do RPG; os aviãozinhos de papel, os chocolates de Beatriz, que ela ia liberando pedaço por pedaço antes que a menina acabasse pagando – e caro – por sua gula; a boneca de vodu com que André aparecera certo dia na biblioteca, planejando aprontar com a irmã.

Havia fones de ouvido, rádios de pilha, revistas em quadrinhos e até um canivete. E cada um daqueles objetos tinha uma história.

Podia parecer golpe baixo... mas ela se sentia estranhamente orgulhosa de cada uma de suas apreensões...


_______________________



Clique na capa para fazer o download da trilha sonora


A Coruja


____________________________________

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sobre

Livros, viagens, filosofia de botequim e causos da carochinha: o Coruja em Teto de Zinco Quente foi criado para ser um depósito de ideias, opiniões, debates e resmungos sobre a vida, o universo e tudo o mais.

Cadastre seu email e receba as atualizações do blog

facebook

Arquivo do blog