27 de dezembro de 2012

Tá na hora de apagar as velinhas! E hoje Dani completa mais um ano!

Lu: Hoje é o aniversário da nossa caçulinha, filhote de gato ronronante e artista extraordinária... Claro, óbvio e ululante que a data não podia passar em branco – hoje, mais do que em qualquer outro dia, a Dani deve ser mimada, paparicada e exaltada, não importa o quão sem graça ela fique com isso.

Dé: Mas é claro! Temos a obrigação MORAL de deixar a Dani sem graça em todas as chances possíveis e imagináveis. Veio no contrato de adoção, sabe como é...

(Se esqueceu de ler a letra miúda, Dani, não tenho nada a ver com isso!)


Lu: Então, minha cara, é sempre bom lembrar... te admiro muitíssimo e não apenas pelo seu talento (que é de cair o queixo), mas também pela sua força, pela sua dedicação, pela sua coragem. Eu me orgulho imensamente de ver você tão altiva, tão segura de si quanto tenho visto nos últimos tempos – e gosto de pensar que tenho pelo menos um dedinho nisso, embora não possa estar para você tanto quanto eu gostaria de estar.

Qualquer hora dessas, quando você tomar outro dos seus chás de sumiço e quase me enfartar no processo, terminarei por ter de me mudar para São Paulo... ou então seqüestro você para morar comigo.

Você está sempre, sempre, sempre nos meus pensamentos (e eu teria roubado a Vênus de Milo para você, se não fosse o problema de passar pela imigração...) – vivo lendo livros e assistindo filmes e pensando com meus botões “tenho que mostrar isso para Dani”.

Enfim, queria que soubesses o quanto és especial para mim e o quanto te desejo bem – não só hoje, que é um dia tão especial que estou decretando feriado nacional em meu reino para que todo mundo possa festejar em sua homenagem – mas todos os dias dessa aventura que é a vida que está diante de ti.

Estou ficando piegas e emocionada... bem, o que se há de fazer? Sou uma mãe coruja...


Dé: Trocadilhos à parte, o que a Lu falou é verdade Danizinha.

Conheço a Dani a BEM menos tempo do que a Luciana, mas conheci o trabalho dela já a bastante tempo. Dani, você é uma artista DO CA*****, admiro muito a tua habilidade. Sempre quis aprender a desenhar, sabe? Mas me falta a disciplina de praticar... =P

Posso não ser tão presente assim, mas saiba que não é por isso que você não pode contar comigo: sempre que precisar é só gritar que eu dou um jeito de ajudar.

Bom, sou péssimo com essas coisas. Tudo que me resta dizer agora é: FELIZ ANIVERSÁRIO!!!


Lu: O Dé é mais manteiga derretida que eu, alguém mais percebeu isso? =D


Arquivado em

____________________________________

 

4 comentários:

  1. A Dani é maravilhosa, tive a honra de conhecê-la quando a Lulu veio pra São Paulo... ela me deu um dos desenhos dela, eu fiquei tão feliz! *dá pulinhos*
    Dani, desejo tudo de mais lindo que existe nesse mundo pra você. Você nasceu pra brilhar! [meio clichê, mas é a pura verdade]
    ;)

    ResponderExcluir
  2. Dani, parabéns, sua artista do caramba!!!! Te desejo ainda mais sucesso! ^.^

    ResponderExcluir
  3. Como vocês conseguem me deixar sem graça com um post?
    Muito obrigada, gente... Nem sei o que dizer. *segura as lágrimas*

    ResponderExcluir

Sobre

Livros, viagens, filosofia de botequim e causos da carochinha: o Coruja em Teto de Zinco Quente foi criado para ser um depósito de ideias, opiniões, debates e resmungos sobre a vida, o universo e tudo o mais.

Cadastre seu email e receba as atualizações do blog

facebook

Arquivo do blog