4 de maio de 2012

03 anos!!!


Parabéns pra você,
nesta data querida.
Muitas felicidades e
muitos anos de vida...

Dé: Hoje é um dia de festa para nós do Coruja, caros leitores. Hoje o blog completa 3 anos de vida! Eu faria um paralelo com anos caninos, mas como não tenho a menor idéia de quanto é um ano canino, a comparação se perde... Além do mais, segundo informações que a Luciana me repassou, cada ano de blog equivalem há 5 anos, o que significa que o Coruja está debutando! (O que me surpreende, uma vez que eu não tinha a menor idéia de que o blog era uma garota...)

Lu: Eu também não sabia, mas a idéia era muito divertida para passar batido... Ah, sim, oi pessoal! Hoje estou aqui só de comentarista!

Essa história de cada ano de um blog equivaler a cinco anos ‘humanos’ me foi ensinada pela Ana, do Expresso Hogwarts, que, por sua vez, ouviu de um amigo, que sei lá de onde tirou a coisa, mas, como disse antes, a idéia era muito divertida para desperdiçar.

Por isso, hoje teremos... A VALSA!


Dé: Aviso logo que não sei dançar... =P

Dani: Cruzes, nem eu... XD

Dé: E o que mudou de um ano para cá? A maior mudança, sem sombra de dúvida, foi a entrada deste que vos escreve, que começou como todos vocês: um leitor. E, aproveitando a data, farei um breve relato de como minha rotina mudou em favor do Coruja.

Sempre gostei de ler, embora nunca tenha sido um bibliófilo inveterado. Inclusive, perdi contato com o hobby por muito tempo (culpa dos videogames...), até conhecer a Lu e entrar para o Clube do Livro (resenhas mensais aqui no Coruja!). Ainda não leio metade do que eu gostaria, mas só a retomada do hábito já foi muita coisa. Mas isso não foi conseqüência de entrar para o Coruja...

Bem, confesso quando vi um comentário pedindo para que eu fizesse parte do Coruja como colaborador (agradeço a quem escreveu, por sinal!) eu me surpreendi. Imaginem então quando veio o convite oficial para entrar pro blog! Em teoria, eu sou responsável apenas pelo Coruja Gourmet, mas isso já foi uma mudança enorme. Afinal, embora eu goste de cozinhar, nunca precisei me preocupar muito com quantidades exatas de cada coisa... sempre cozinhei com o olhômetro. Até agora, claro. Imagina minha cara quando a Lu disse que eu precisaria colocar as quantidades bonitinhas de tudo que fosse usar (NOOOOOOOOOOOOOOO!). Agora, todo começo de mês já me vem a preocupação: “O que farei este mês para o Coruja?”, “Será que vão gostar desta receita?”, “Será que é simples o bastante para quem nunca se arriscou na cozinha?”. Acho que tenho feito um bom serviço até o momento, não?


Lu: Eu acho que você tem feito um bom serviço, e ao menos a princípio, como chefíssima, minha opinião é que vale... HUAHUAHUA... Mas pelo que vejo dos comentários, os leitores também gostam – e, mais importante, se arriscam a seguir suas receitas. O que demonstra a importância das quantidades exatas. Sério, objetivamente falando, o que é ‘uma pitada’?

Dé: Tu ainda não superou essa história da pitada, Lu?

Lu: O que posso fazer? É mais forte do que eu...

Dani: Isso é verdade, preciso te agradecer, meu querido bode, você me inspirou a me aventurar na cozinha com alguma frequência. Embora nem sempre o resultado seja tão bom (muitas vezes chega a ser catastrófico...) ^^”

Dé: Não se preocupe, Dani. Vez ou outra sai cada desastre da minha cozinha...

No começo do ano, mais um desafio se mostrou para mim: A Vertigem das Listas. Não me olhem assim, eu me divirto horrores escrevendo aquilo. O problema é que nem de perto tenho a mesma bagagem que a Luciana e, às vezes, é difícil acompanhar. Tive MUITOS problemas com o Vertigem deste mês, uma vez que não tenho o hábito de ler sobre o tema (para saber qual é, terão de esperar o final do mês.). Mas até isso é bom, sabe? Dá vontade de ir ler mais alguns títulos, aumentar a diversidade. Vamos esperar o que as futuras instâncias irão revelar, não é?


Lu: Eu não sou assim tão difícil de acompanhar... do jeito que vocês falam, parece que sou algum tipo de Dragão-Acumulador-de-Livros... Mas eu gosto do jeito que o Vertigem tem funcionado... é divertido ficar implicando contigo XD

Dé: Essa fala é minha!

Dani: Confesso que também tive uma certa dificuldade... Eu leio bastante mas muito devagar. E nem de longe sou como a nossa Rainha que parece devorar um livro atrás do outro como filhotinhos de hobbits!! É, acho a definição de Dragão-Acumulador-de-Livros se encaixa muito bem... XD

Lu: Sem maiores comentários...

Dé: E temos ainda uma surpresa EXTRA para vocês! Lembram da Dani, a excelente desenhista que nos presenteia com desenhos aqui no Coruja? Caso não conheçam, é só dar uma olhada na galeria de desenhos que está ali em cima na barra de índice. Mas bem, a surpresa é: agora a Dani TAMBÉM faz parte do Coruja! (Lu: Não que o pessoal não tivesse percebido, considerando a profusão de cores deste post desde o começo...)Eis a apresentação dela.

Dani: Olá, leitores do Coruja (de novo, porque já me pronunciei aí em cima). Aqui é a Dani, a desenhista do blog, e agora oficialmente a responsável por toda e qualquer arte que a minha querida família me exigir!

Não sou muito nova por aqui, mas como agora entrei para o zoológico de vez, acharam melhor eu me pronunciar pessoalmente. E como o que a nossa Rainha Coruja diz é lei, então aqui estou!

Também, vez ou outra, estarei postando alguns dos meus trabalhos aqui, que variam desde retratos, ilustrações, pinturas, trabalhos da faculdade, até desenhos de moda. Tudo é claro, apenas e unicamente com a aprovação da nossa Rainha (autenticadas e protocoladas em 45678987543456789 vias, como bem disse antes o Dé). Espero que todos gostem e cuidem bem dos meus desenhos! (por favor...)


Lu: Saindo do modo comentário... Por que todo mundo acha que sou uma espécie de censora louca para passar a tesoura no que vocês fazem? Não precisa de tantas vias e tantas autenticações... Sou uma déspota esclarecida, não uma tirana burocrata...

Dé: A questão, Lu, é que mesmo conosco fazendo parte como colaboradores, o blog AINDA É SEU! Já pensou se eu escrevo sem freio? O que iria acontecer? =P

Dani: Uuhh... Tive uma breve visão do Inferno... Brincadeira!

Lu: *revirando os olhos*

Mudando de assunto, como vocês já sabem e já viram e já ouviram... hoje o Coruja completa três anos. Parece que foi ontem que saí quase quicando do meio de uma aula de filosofia do direito para ligar absolutamente empolgada para a Ísis (que foi a primeira pessoa a quem apresentei a idéia) e quase berrar que ia criar um blog.

Para comemorar a data, temos mais um dos especiais do Coruja. Não que vocês já não saibam do que se trata, considerando que falo disso desde janeiro... e o novo layout (já cortesia da nossa brilhante desenhista!) é um baita duma dica, mas... Maio, no Coruja, esse ano, será todo, absolutamente TODO dedicado a Sherlock Holmes.

Não apenas vamos ter o especial-quase-uma-monografia, como também promoção, sorteio, e muitas exclamações em minha saudável obsessão com os personagens de Sir Arthur Conan Doyle.


Dani: Saudável obsessão? Interessante pensar nisso assim...

Lu: Não queira ver o que acontece quando a obsessão não é saudável...

Dani: Acredite, mamãe coruja, para a sua preocupação eu sei bem o que são obsessões nem um pouco saudáveis. Mas não vamos entrar em detalhes... XP

Dé: *MEDO*

Lu: Aliás, só para constar... segundo O Problema Final, a queda de Moriarty e Holmes em Reichenbach ocorreu no dia 04 de maio de 1891, há exatos 121 anos. Vê, VÊ??? ISSO NÃO PODE SER COINCIDÊNCIA! É DESTINO!!!!

Hoje também é o Star Wars Day. May the force be with you. Sério, não podia ter escolhido melhor data para ter minha epifania de criar um blog...

Voltando ao layout (maravilhoso) que nossa Dani fez. Bem, antes de mais nada quero dar oficialmente as boas-vindas a Dani. Para sermos sinceros, ela já faz parte do zoológico quase que desde o começo, mas só agora a convenci a escolher uma identidade e participar em caráter oficial. Então, agora temos uma coruja, um bode e uma gata no mesmo endereço.

(O que uma coruja, um bode e uma gata têm em comum???)


Dani: Ahhh, obrigada majestade!! Estou honrada de agora fazer parte desse recanto de sabedoria, obsessões nerds e receitas versáteis!!

Lu: O prazer é todo meu!

Mas, voltando... Então que todo mundo sabe que adoro palavras cruzadas... e assim, Dani decidiu ao desenhar o layout desse ano que faria uma ‘palavra cruzada visual’. A ilustração (que vocês podem ver clicando abaixo com mais detalhes) está cheia de referências literárias a uma série de autores que já passaram (ou vão passar) por aqui.



Quem conseguir encontrar todas, ganha um prêmio ;) Eu mesma não achei tudo... Por isso, Dani, passa as dicas para o resto do pessoal, sim?


Dé: Eu não passei nem da metade das referências... Boa sorte! =D

Dani: Dé, não tá tão difícil assim! Pode tentar de novo! E aqui vão as dicas:

01- J.R.R. Tolkien
02- J.K. Rowling
03- C.S. Lewis
04- Neil Gaiman
05- Umberto Eco
06- Fernando Pessoa (esse tem duas referências)
07- Lewis Carroll
08- Edgar Alan Poe
09- Jane Austen (também tem duas)
10- Machado de Assis

Boa Sorte e divirtam-se!!!


Lu: E até as próximas (muitas) postagens de aniversários. Espero que não tenha sido muito confuso entender nossa escrita a seis mãos – até porque, isso vai virar rotina aqui... ;)


____________________________________

 

54 comentários:

  1. Parabéns pro trio!!!!! Mas especialmente para a Rainha (senão ela manda o bode arrancar minha cabeça!)

    Agora é sério, o Coruja é dos meus blogs literários favoritos EVER. Toda vez que leio uma resenha da Lu, eu a admiro cada vez mais. E o Coruja foge das mesmices dos blogs do estilo que prezam pela quantidade e não qualidade. As análises da Rainha são de babar. Quando crescer quero que nem ela. :)

    Agora deixa eu ver se consigo achar as referências:

    01. a roupa do Aragorn pendurada atrás do bode? Ou naquelas peças pequenas no tapete? Ou nas espadas penduradas?
    02. o óculos do Harry Potter
    03. o Aslan na estante
    04. a Coraline pendurada na lareira
    05.
    06.
    07. o coelho branco na janela
    08.
    09. num retrato no chão
    10.

    E o resto não consegui pegar... Acho que a raposa e as rosas escondem algo mas não consegui captar... :/

    Depois coloca a resposta! :D

    E mais uma vez parabéns!

    E eu não me canso de babar nos desenhos da Dani, simplesmente maravilhosos! Parabéns Dani! Tu és um talento de primeira!

    E Dé, adoro tuas receitas! Posta algo mais light, pra quem está de dieta... :D E continua com as fotos porque tô adorando!

    Smacks pro trio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tô vermelhinha aqui XD Obrigada, Tatá! Fico mais que feliz que goste das análises, é sempre um prazer poder debater com o pessoal - seja por aqui, seja no Clube. Dé e Dani respondem depois (vou mandar eles virem aqui também ;) As referências, pode deixar que postamos a resposta depois, sim. Deixa o povo ter tempo de procurar. Você acertou vários, só não o primeiro XD

      Excluir
    2. Valeu Tatá! Na verdade, tenho em mente postar uma ou outra receita mais light. Pode esperar ;)

      Excluir
    3. Nossa, obrigada mesmo!! Nem sei o que dizer...

      E,gente, a raposa é o antigo mascote do blog, o Hiram, lembram? Eu tomei a liberdade de transforma-lo em tapete de pele! Não é nenhuma referência! ^^

      Excluir
    4. Na verdade o Hiram não é o "antigo" mascote do blog. Ele continua sendo mascote. É só olhar ali embaixo, oh, ele tá lá firme e forte ;)

      Excluir
    5. É sério? Nossa, nem tinha reparado! Mas também você foi colocar o coitadinho lá embaixo!

      Excluir
  2. O desenho ficou lindo! Parabéns, Dani!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah sim, claro... feliz aniversário para o blog!

      Excluir
    2. Obrigada, Sharon!! Estou lisongeada!!
      E não me esqueci do seu lay não hein!!

      Excluir
  3. Achei o Poe! O corvo aparece à meia-noite, e são cinco pra...

    E o Fernando Pessoa... são as rosas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, que até onde eu saiba, a Dani não fez o horário no relógio propositalmente... mas se for para dar uma dica, a referência a Poe tem a ver com o corvo sim ;)

      Excluir
    2. Não vou comentar nada sobre o que está certo ou errado senão a brincadeira perde a graça! ;) Mas posso dizer que o horário do relógio não tem nada de referência. Nem lembrava que o corvo aparecia à meia-noite...

      Excluir
  4. Parabéns ao Coruja!
    Eu conheci o Coruja pelo blog da Tatá (Harry Batatinha), vinha sempre visitar e ler as melhores resenhas de toda blogosfera. Depois recebi um email, (acho que foi email não foi?) encomendando uns kits pra um evento e quando a pessoa me diz que é a dona desse blog, que surpresa boa, eu conheci a Lu e a afinidade e admiração foi instantânea. Adoro nossos encontros no shopping pra falar de livros e filmes, se você já era uma fonte de conhecimento pra mim e inspiração pra que eu leia mais, depois do Sherlock melhorou ainda mais, porque finalmente achei uma pessoa pra falar, trocar idéias e encher os emails de fontes e fotos. Como os meninos disseram você é uma máquina de leitura, mas muita gente por aí lê rápido, o que admiramos mais em você é essa capacidade de guardar os pequenos detalhes, seu hardware armazena tudo, mais do que o Sherlock que não conhece o sistema solar.

    Dé adoro suas receitas, práticas, e gostosas, sim e continue com a “pitada” porque isso é coisa básica numa cozinha.

    Dani, feliz por “ver” você aqui, a Lu sempre me fala tanto de você que acho que já te conheço um pouco, e seu trabalho é lindo, cuidado, meticuloso como raramente vi por ai, é bom demais poder vê- los aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh, Angélica ^^ Tô vermelha de novo!

      Foi email sim; eu descobri o seu blog através da Tatá também e quando descobri que você morava na mesma cidade, imediatamente pensei que isso facilitaria minha vida e eu poderia ter uma fornecedora habitual de mimos XD HUAHUAHUAHUA... E acabei ganhando mais que isso. Também adoro nossos encontros, nossas conversas; é sempre um enorme prazer trocar experiências contigo.

      Continuo vermelha com o resto dos elogios. HUAHUAHUAHUA...

      Excluir
    2. Eu continuarei com as pitadas, punhados e "vai no olho" sim, por que é assim que eu cozinho. =P

      E para irritar a Lu, é claro.

      Excluir
    3. Nossa, obrigada! *vermelha*
      Aliás, eu também admiro muito o seu trabalho, já andei dando uma fuçada no seu album, é tudo tão lindo...

      Excluir
  5. Respostas
    1. Nope. O globo não é Eco.

      Excluir
    2. Lulu... não dá dica para o pessoal... XD

      Excluir
    3. Ok, ok, vou me segurar... às vezes é mais forte do que eu XD

      Excluir
  6. Ai que vergonha!!! Claro que as rosas são o Umberto Eco!!! Deuzolivre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Huahuahua! Certo, as rosas são parte, mas ainda não está completo. Mas o livro está certo ;)

      Excluir
    2. Lulu!! Para de ajudar o povo!!! XDDD
      Mas que tipo de Raainha Tirana é você?!

      Excluir
  7. Os meus:
    01- J.R.R. Tolkien – Colar com anel pendurado na lareira
    02- J.K. Rowling – Peças de Xadrez de bruxo no chão
    03- C.S. Lewis - Cabeça de Leão na estante
    04- Neil Gaiman – Cabeça da boneca Coraline na lareira
    05- Umberto Eco – O capote atrás do Bode
    06- Fernando Pessoa (esse tem duas referências) – As rosas atrás dos mapas próximos a janela – O óculos redondo no parapeito da janela
    07- Lewis Carroll - Coelhinho branco na janela
    08- Edgar Alan Poe -
    09- Jane Austen (também tem duas) – Quadrinhos com foto no chão perto do Bode e
    10- Machado de Assis -

    Ainda estou a procura de outros, acho que essa caixa com Flor de Liz é alguma coisa e aquela cabeça e carneiro. Não me perdoo por não ter achado nada do Machado de Assis, uma criatura que li mais que qualquer autor e sua vida... segua a busca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou me divertindo horrores com essa caça ao tesouro XD e me segurando para não dar as respostas. HUAHUAHUA...

      Angélica, se vale de consolo, eu não consegui encontrar três das referências - as duas de Fernando Pessoa e a do Machado de Assis. Depois de muito quebrar a cabeça, pedi ajuda aos universitários e a Dani afinal me mostrou a luz.

      Excluir
    2. Meus Deuses!! Vocês estão tirando referências de onde nem tem!!! Cara isso tá ficando mais divertido do que eu pensei!

      Excluir
    3. Não é, Dani? Eu vi algumas das respostas e pensei "isso era pra ser referência?!" =P

      Excluir
  8. Vou pedir à Dani que venha colocar as respostas ela mesma na segunda ;) Então, vocês têm o fim de semana inteiro para descobrir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode deixar, Lu! Só quero ver o que vai rolar até la´...XD

      Excluir
  9. Achei o Corvo! em cima da mesinha, atrás da coruja! =P

    Angélica... eu fiquei imaginando que catzo eram essas peças de xadrez! Boa! Parabéns também por achar o anel do Tolkien!

    ResponderExcluir
  10. Agora que eu abri a imagem em outra aba... muitas coisas!

    Tem uma casinha verde na estante, atrás da mesinha do corvo e do livro.

    Tem uma bola na estante também, atrás do chapéu do Boda Watson... que lembra uma lua. Eu gosto muito de um poema do Pessoa:

    "Assim em cada lago a lua toda brilha,
    Porque alta vive."

    A lua está no alto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu começo a desconfiar que a Dani colocou mais referências no desenho do que estava enxergando conscientemente... XD

      Excluir
    2. Ou é a gente que está vendo demais kkkk porque ela pode ser se inspirado numa obra e a gente em outras.

      Excluir
    3. Isso, Angélica... do Fernando Pessoa, eu só sei de cor esse poema... vi uma "lua" (ou uma bola de golfe) e pá! Tá lá!

      Mas, claro, pode ser outra coisa...

      Excluir
    4. Pessoal, as referências são as mais óbvias e descaradas. è só não complicarem que você acham. Os únicos que eu realmente dificultei foram as do Fernando e do Machado. Vai aí a dica!;)

      Excluir
  11. O rolo com "Mansfield Park"! Jane Austen.

    O carneiro na estante não é referência ao "Guardador de rebanhos"? Não?

    ResponderExcluir
  12. Machado de Assis! A Luneta ali aos pés do Bode Watson? "A luneta mágica"!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Luneta Mágica é de Joaquim Manuel de Macedo, não?

      Excluir
    2. é mesmo... eu vi depois... ahsuhauha!

      Excluir
  13. E o cetro do Gandalf ao lado do anel...

    ResponderExcluir
  14. Parabens às duas corujas! (Lu, se antes era O coruja e sua dona, A coruja, como fica agora que o blog é uma menina? o.o). Um especial parabéns para a Lulu que conseguiu manter o blog, por três anos, sempre com muitas postagens interessantes e semanais - quando não diárias! E que esta semana nos traga muitas atrações!!

    E que a Dani seja mais que bem vinda! Imagino que não tenha sido fácil fazer todos os vestidos desta menina caprichosa que hoje faz aniversário. ^_~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Difícil não foi, só trabalhoso! ^^ Mas também muito divertido!!!
      Obrigada, Tayla!!

      Excluir
    2. HUAHUAHUAHUA... essa questão de gênero é danada, né? Mas continue pensando no blog como o coruja e nessa que vos fala como a coruja ;)

      Obrigada pela companhia, Tay. Estamos aqui para oferecer um serviço de qualidade aos nossos leitores ;)

      Excluir
    3. Ou ser torturado pela Rainha tentando! =D

      Excluir
  15. Agora que reparei, Lu, você precisa de um avatar de coruja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho, só sei que ela nesse chapéu de Gandalf porque tem o nome senão...

      Excluir
    2. Vejamos se agora vai *mudei a imagem já ;)*

      Excluir
  16. hahahah. Imagina, a Dani dificultou bastante.
    Mari

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mari, tu por aqui??!!
      Não vale dar dica hein!!!

      Excluir
  17. Parabéns pelos três anos de Blog! Eu conheci o blog já faz um tempo, quando li Sandman e procurei tudo que podia sobre o Neil Gaiman. Qual não foi minha surpresa ao descobrir que uma conterrânea não só tinha uma afinidade por livros de fantasia, como escrevia reviews numa velocidade assustadoramente incomum e estava a fazer um especial sobre o autor que eu estava procurando? Desde então acompanho fielmente o Coruja, que me trouxe uma alegria enorme: a re-descoberta de Terry Pratchett. A gente já tinha se cruzado em livrarias da vida e ele já tinha incitado minha curiosidade com suas capas deslumbrantes e coloridas, mas nunca tive a coragem de me deixar ser seduzido. Depois de ler alguns (vários) elogios ao autor aqui, resolvi dar uma chance. Foi suficiente. Agora sei o que é amor.

    *recobra estabilidade emocional*

    fora isso, seu blog foi a maior inspiração para a criação do meu próprio espaço para destilar a vontade de escriver e de reunir referências obscuras aos escritores que aprendi a admirar e gostar. Sendo que ainda estou bem no começo, e há mais posts localizados no Sonhar que na rede virtual.

    enfim, obrigado e parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Obrigada! Estou lisonjeada de ter servido de inspiração - dei uma olhada no Channel 07 e adorei o texto de abertura. ;) Quando vai ter mais?

      E um conterrâneo, vejam só! Bom saber que estou tendo algum impacto com minha cruzada pratcheriana, fazendo mais pessoas conhecendo este cara absolutamente incrível!

      Espero vê-lo mais vezes por aqui ;)

      Excluir

Sobre

Livros, viagens, filosofia de botequim e causos da carochinha: o Coruja em Teto de Zinco Quente foi criado para ser um depósito de ideias, opiniões, debates e resmungos sobre a vida, o universo e tudo o mais.

Cadastre seu email e receba as atualizações do blog

facebook

Arquivo do blog