1 de fevereiro de 2010

Seja bem-vindo, fevereiro!


Finalmente, finalmente, janeiro infernal terminou. Eu estava começando a achar que não sobreviveria, mas, enfim, o mês terminou, as loucuras do trabalho terminaram (ou, pelo menos, eu assim quero crer) e se não terei um monte de tempo livre, uma vez que tenho de estudar... pelo menos não estou mais parecendo um zumbi (experimente passar duas semanas indo dormir de uma da manhã fazendo pesquisa, acordando de cinco para se arrumar para o escritório, enlouquecendo com os prazos, voltando para a aula da pós, chegando em casa de seis da noite para voltar a enlouquecer com pesquisa até uma da manhã...)


Mas chega de justificativas. O importante é que estou mais ou menos de volta. Estou tentando aprontar aqui algumas surpresas para vocês nesse mês de fevereiro, mas, de alguma forma, sinto que não terei tempo de terminá-las a tempo, o que significa que terei de deixá-las para depois...

Mas, quem se importa? Ao menos eu consegui voltar a escrever. E, se tudo der certo, eu pretendo escrever um bocado agora em fevereiro, aproveitando que temos o feriado do carnaval e uma razoável quantidade de tempo livre.

Por isso, vamos todos dar uma salva de palmas para fevereiro!

Agora, permitam-me ir ali continuar a preparar minhas... surpresas. Hehehe...



A Coruja


Arquivado em

____________________________________

 

5 comentários:

  1. Como você bem disse, mal para e já arranja sarna pra se coçar. *tsc tsc*
    Tá parecendo o pai do Chris, tirou uma semana de folga dos dois empregos pq tava doente e arranjou outro emprego pra não perder o dinheiro da folga.
    Aidels.
    (Convenci dando bronca?)
    Que bom que você postou, tava tão chato sem você por aqui ^.^

    ResponderExcluir
  2. Oh, Diego, fiquei até emocionada! Fico feliz em saber que pelo menos uma pessoa sentiu minha falta, tanto quanto senti de escrever para vocês.

    Com sorte, fevereiro teremos mais tempo para colocar a conversa em dia... hohoho...

    ResponderExcluir
  3. AEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!! VOCÊ VOLTOU!!

    *esmaga*

    E, coisa de tia, agora: se você entrar numa dessas de novo, eu vou A PÉ até Recife pra puxar a sua orelha, tá legal???????

    E, veja só, estou com vontade mesmo de puxar a sua orelha... Eu quero um Anthony Bridgerton pra mim, mas, onde eu vou achar???? Maldade que você fez comigo!!

    *magoa*

    Ah, entes que eu me esqueça: quero mais Ases.

    Beijocas!

    ResponderExcluir
  4. Por acaso é pré requisito as meninas do Expresso serem tão apaixonantes?
    (Isso vale pra você tbm, Raven, morro de rir com suas desventurascom o senhor de seu coração)

    ResponderExcluir
  5. Huahuahuahua...

    Pois é, Régis, eu também queria o Anthony para mim... na verdade, qualquer um dos irmãos Bridgerton faria minha alegria... Anthony, Benedict, Colin ou Gregory... todos são sensacionais.

    Acho que no meu próximo Meu Autor, meu Herói, falarei sobre a Julia Quinn.

    ResponderExcluir

Sobre

Livros, viagens, filosofia de botequim e causos da carochinha: o Coruja em Teto de Zinco Quente foi criado para ser um depósito de ideias, opiniões, debates e resmungos sobre a vida, o universo e tudo o mais.

Cadastre seu email e receba as atualizações do blog

facebook

Arquivo do blog